.


//// tragédia (2019)


"Tragédia" é o sétimo espetáculo do repertório do Quatroloscinco, estreado em 2019, na Funarte MG. Esta criação coletiva tem direção de Ricardo Alves Jr, dramaturgia de Marcos Coletta e Assis Benevenuto e atuação de Ítalo Laureano, Rejane Faria, Assis Benevenuto e Marcos Coletta. Pela primeira vez, o grupo convidou um diretor de fora para guiar o processo de criação. "Tragédia" conta com a parceria de renomados artistas mineiros na composição de sua equipe como Thálita Motta na direção de arte, Barulhista na trilha sonora e Marina Arthuzzi, Jésus Lataliza e Rodrigo Marçal na iluminação.

A peça traz uma leitura contemporânea de diversos aspectos da tragédia grega a partir da leitura do clássico "Antígona", de Sófocles, buscando diálogo com nossas tragédias contemporâneas e com a situação atual do país. Em volta de uma mesa de sinuca, os atores elaboram ações e tensões sobre os jogos de poder, a parcialidade da justiça, a banalização da violência e o apagamento da história. Ricardo Alves Jr. traz sua experiência como cineasta e realiza em colaboração com o grupo uma encenação que borra os limites entre cinema e teatro. A obra propõe um desafio constante de compor um todo por meio do fluxo entre linguagens - verticalizando suas potências - para transpor para cena a tragédia antiga e “eterna” do indivíduo insubmisso, comprometido e ético, em conflito com um poder tirânico que insiste em tentar apagar os seus crimes, impondo a mentira e o esquecimento como norma.

Sinopse:
Há jogos que se popularizam pelo mundo, ultrapassam os limites dos palácios, escorrem como sangue, inundam as ruas e entram pela fresta da porta de nossas casas. Jogos com regras rígidas e penalidades severas. Jogos que atravessam milênios e pelos quais se mata e se morre. Todo jogo é um campo de batalha.

Ficha Artística
Drama contemporâneo/75 min/Classificação: 12 anos
Direção: Ricardo Alves Jr.
Dramaturgia: Assis Benevenuto e Marcos Coletta
Atuação: Assis Benevenuto, Italo Laureano, Marcos Coletta e Rejane Faria
Atriz stand-in: Michele Bernardino
Direção de arte: Thálita Motta
Assistência de figurino: Ian Godoi, Carina Fonsc e Poliana Carvalho
Assistência de cenografia: Paola Ferrari e Bruna Silva
Criação de luz: Marina Arthuzzi, Jésus Lataliza e Rodrigo Marçal
Trilha sonora: Barulhista
Música final: Barulhista e Tatsuro Murakami
Operação de som: Fabrício Lins
Orientação corporal: Fernando Barcellos
Orientação vocal: Ana Hadad
Arte gráfica: Letícia Naves
Assessoria de comunicação: Renata Rocha
Fotografia: Luiza Palhares
Vídeos: Fábio Gruppi
Tradução para guarani: Graciela Chamorro
Orientação italiano: Amanda Bruno
Produção: Maria Mourão
Realização: Grupo Quatroloscinco - Teatro do Comum



TRAGÉDIA (2019)